Agosto foi um mês ruim para a Chapecoense. Setembro terá que ser bem melhor.

***O mês de Agosto não foi bom para a Chapecoense que disputou pelo Brasileiro da Série A sete partidas sendo 03 derrotas com 02 empates e 02 vitórias.

***Um aproveitamento de apenas 38% que não é bom se levarmos em consideração que destas sete partidas quatro foram em casa e três fora. Por esse fator é que o aproveitamento teria que ser melhor.

***Agora no mês de Setembro a Chapecoense vai ter sete partidas e de novo sendo quatro delas em casa e três fora. Mais do que nunca vai ter que fazer o dever de casa para se folgar um pouco mais na tabela de classificação.

***Pela ordem neste mês a Chapecoense joga sábado em casa contra o Goiás, depois sai para jogar contra o Coritiba, recebe o Sport Recife e na seqüência sai para duas pedreiras fora de casa contra Corinthians e Grêmio, mas depois volta para duas partidas em casa contra Atlético/PR e Criciúma fechando o mês de Setembro.

***Então minha gente a Chapecoense terá neste mês quatro partidas em casa contra Goiás, Sport Recife, Atlético/PR e Criciúma. Quatro adversários difíceis e que merecem respeito, mas que a Chapecoense vai precisar vencer de todo jeito e maneira.

***Estes quatro adversários são do mesmo campeonato que a Chapecoense e por isso que dentro de casa a Chapecoense vai ter que se impor e buscar estas vitórias que podem ter certeza serão decisivas para a permanência na Série A do Brasileiro.

***Se vencer as quatro partidas que terá em casa o que vier de fora nas três outras partidas será puro lucro, só que não pode perder pontos em casa porque daí a situação pode se complicar na seqüência da competição.

***Vamos pela ordem começando pelo jogo de sábado contra o Goiás que tem que ser encarado como uma decisão de Copa do Mundo. É assim que o jogo tem que ser encarado por todos. Como uma verdadeira decisão e onde só a vitória interessa.

 

 

 

Os erros cometidos pela Chapecoense facilitaram a vitória do Cruzeiro.

***Deu a lógica sábado no Mineirão. Cruzeiro 4×2 na Chapecoense. Nada de anormal neste resultado uma vez que o Cruzeiro era realmente o favorito e já se sabia que seria muito difícil pela diferença na qualidade dos times de a Chapecoense escapar de uma derrota na casa do adversário.

***No primeiro tempo a Chapecoense até surpreendeu e terminou vencendo por 1×0 com gol de Zezinho que desviou chute de Dedé. Depois de fazer o gol a Chapecoense ainda teve forças para segurar o placar até o final do primeiro tempo na base de muita raça.

***Mas no segundo tempo o Cruzeiro foi pra cima e em seis minutos virou o marcador para 2×1 com gols de Leo e Marcelo Moreno, aos 12 aumentou para 3×1 através de Alisson, Bruno Rangel finalmente marcou um gol depois da sua volta e descontou para 3×2, mas logo em seguida novamente Marcelo Moreno fez 4×2 fechando o placar para o Cruzeiro.

***Na verdade nos minutos iniciais deu uma pane no time da Chapecoense, um branco total no time que ficou vendo o Cruzeiro virar o placar ao natural e sem fazer muita força.

***Mais uma vez a bola alta na área foi um problema sério uma vez que os quatro gols do Cruzeiro surgiram de bolas cruzadas para dentro da área da Chapecoense.

***Acontece que deram muita liberdade para os jogadores do Cruzeiro fazerem os cruzamentos, os jogadores da Chapecoense ao invés de dar o bote e tentar tirar a bola dos adversários apenas cercaram os jogadores do Cruzeiro que cruzaram a vontade e quando a bola chegou na área a zaga não consegui afastar o perigo e assim o Cruzeiro chegou aos quatro gols.

***Na minha opinião o técnico Celso Rodrigues e quem comanda o time junto com ele cometeram dois erros no jogo de sábado.

***Primeiro foi tirar o Abuda no intervalo que estava muito bem no jogo. Pra mim nem o fato de ele ter o cartão amarelo justifica sua substituição. O segundo erro e mais grave foi deixar o Neuton até o final do jogo no time. Foi por ali que o Cruzeiro deitou e rolou.

***Mas pela diferença técnica entre os dois times e pelo fator local seria mesmo muito difícil de o Cruzeiro não vencer o jogo. Eles têm um baita time e não é a toa que estão oito pontos na frente do segundo colocado. Vai ser difícil de alguém tirar o Bi Campeonato do Cruzeiro neste ano pela qualidade do elenco que eles possuem.

***Antes do jogo o Neuton não quis dar entrevista a Rádio Chapecó alegando que estava com dor de garganta, mas na verdade acho que ele já estava prevendo a sua atuação desastrosa durante o jogo. No final ainda deu entrevista para a TV dizendo que o Cruzeiro chegou à vitória jogando nas suas costas. Até ele viu isso, menos o Celso Rodrigues e sua comissão técnica. Daí fica complicado.

Chapecoense encara Cruzeiro no Mineirão.

 

***A tendência é de que a Chapecoense tenha hoje as 18h30 no Mineirão contra o Cruzeiro atual líder e melhor time da competição o seu jogo mais difícil até aqui neste Campeonato Brasileiro. Mais um grande teste de fogo para a equipe comandada pelo técnico Celso Rodrigues.

***Impossível a gente não apontar o Cruzeiro como o grande favorito para o jogo de hoje. Além do fator casa o time deles conta com vários craques, joga por música, tem um entrosamento extraordinário, joga em velocidade, sempre buscando o ataque, com uma bola aérea muito forte e sempre com muita intensidade. Não é a toa que é líder do Brasileiro e grande favorito ao titulo. Bota pedreira nisso.

***Naturalmente que a Chapecoense não vai estar no Mineirão para passear e ficar assistindo o Cruzeiro jogar, com certeza vai lá para quem sabe cometer o crime, mas para isso acontecer vai ter que jogar muita bola.

***Em alguns jogos contra os considerados grandes do futebol brasileiro, São Paulo, Flamengo, Palmeiras, Fluminense e até contra o Atlético Mineiro o time da Chapecoense surpreendeu positivamente. Quem sabe isso não se repita no jogo de hoje no Mineirão.

***Temos que estar conscientes das dificuldades que esse jogo deve representar para a Chapecoense pela força e grandiosidade do adversário, mas no futebol nada é impossível e é nesse fio de esperança que temos que nos agarrar para pensar em um bom resultado. Um empate já será um grande resultado.

 

Com Bergson como novidade Chapecoense já está em Belo Horizonte.

***Outro dia fui ver um treino coletivo da Chapecoense na Arena Condá e notei que o atacante Bergson depois do tradicional aquecimento se dirigiu ao banco de reservas.

***Até comentei com colegas da imprensa que estavam lá que ele não estava mais nem pegando time reserva no coletivo e quando isso acontece é porque a coisa ta feia pro lado do jogador.

***Pois para surpresa de muita gente o Bergson é uma das novidades na relação de jogadores da Chapecoense que viajaram ontem para Belo Horizonte para o jogo de amanhã contra o Cruzeiro.

***Se ele está recebendo uma nova chance vai ver que é porque fez por merecer durante o dia a dia no clube, se dedicando nos treinamentos e também com bom comportamento fora de campo. Só pode ser isso.

***Não sei se ele começa o jogo e acho que não, mas independente disso se aparecer à chance tomara que ele saiba aproveitar, pois está desde o inicio do ano no clube e até agora não disse a que veio.

***Outra novidade é a presença na delegação do lateral esquerdo Rodrigo Biro que se cogitou até dias atrás que deixaria o clube, mas que também recebe uma nova oportunidade.

***Em contra partida o Fabinho Alves que até poucos jogos atrás era titular hoje nem seque viaja mais com a delegação e o zagueiro paraguaio Enrique Meza também não viajou uma vez que em seu lugar foi Grolli que começa a ganhar espaço no time da Chapecoense.

***E assim vai a Chapecoense tentando recuperar jogadores afastados  e buscando reforços dentro do seu próprio grupo de jogadores que até então não vinham dando conta do recado e justamente no jogo contra o melhor time do campeonato.

***O time que deve começar o jogo: Danilo, Ednei, Rafael Lima, Jailton e Neuton, Wanderson, Dedé, Abuda, Camilo e Zezinho; Bruno Rangel. Viajaram ainda: Silvio, Grolli, Rodrigo Biro, Diones, Ricardo Conceição, Leandro, Tiago Luis, Rychely e Bergson.

 

Chapecoense com time encaminhado para enfrentar o Cruzeiro.

***O técnico Celso Rodrigues comandou um treinamento movimentado ontem à tarde na Arena Condá em preparação ao dificílimo jogo contra o Cruzeiro no próximo sábado as 18h30 no Mineirão em Belo Horizonte.

***O zagueiro Rafael Lima não treinou normalmente com os demais jogadores, mas deve jogar com isso o time que enfrenta o Cruzeiro seria Danilo, Ednei, Rafael Lima, Jailton e Neuton; Wanderson, Abuda, Dedé, Camilo e Zezinho; Bruno Rangel.

***Sinceramente não acredito muito que o time possa ser diferente desse que escrevi anteriormente a menos que o Celso Rodrigues e seus colegas de comissão técnica estejam pensando em algo diferente o que é pouco provável.

***O que o time da Chapecoense vai precisar ter no Mineirão é uma postura totalmente diferente daquela que teve principalmente no primeiro tempo no Maracanã contra o Botafogo.

***Se entrar com aquele mesmo sono lá contra o Cruzeiro quando acordar já vai estar com uma sacola cheia de gols e a vaca vai pro brejo ligeirinho.

***O Cruzeiro é o grande favorito para vencer o jogo, porém, no futebol nada é impossível e nos resta torcer para que de repente a Chapecoense possa ir lá e cometer o crime a exemplo do que fez contra o São Paulo, mas a tendência é de um jogo bem mais difícil uma vez que o Cruzeiro está patrolando quem aparece na sua frente e ontem aplicou 5×0 no Santa Rita pela Copa do Brasil.

 

 

 

 

 

Vitória muito merecida da Chapecoense sobre o Fluminense.

***Muito merecida a vitória da Chapecoense por 1×0 sobre o Fluminense. Vitória do time que foi mais competente e que mais se aplicou durante todo o jogo.

***Pode não ter sido uma atuação brilhante tecnicamente, mas a garra que os jogadores apresentaram superou todas as dificuldades apresentadas durante o jogo.

***E vai ser sempre assim, o time da Chapecoense tem que saber reconhecer as suas próprias limitações e jogar sempre a morrer nesta Série A, se entrar em qualquer jogo sem esta disposição vai se complicar.

***Contra o Fluminense uma vez mais o time deu um banho de aplicação tática, garra e determinação, ingredientes que foram fundamentais para a vitória. A vitória foi um merecido prêmio a dedicação dos jogadores.

***Parabéns ao técnico Celso Rodrigues, aos jogadores e aos torcedores que estiveram na Arena Condá apoiando o time.

***Com a vitória a Chapecoense foi para a 12ª colocação com 19 pontos e está 04 pontos distante da zona de rebaixamento só que agora sai para duas pedreiras fora de casa contra Botafogo no sábado no Maracanã e depois contra o Cruzeiro no Mineirão e volta para fazer a última partida do turno em casa contra o Goiás.

***Nada vai ser fácil na sequencia da Série A, tudo vai ser muito difícil, mas jogando sempre com humildade, com garra e determinação podemos sim sonhar com uma permanência na Série A. Vamos em frente.

***Sábado estaremos no Maracanã acompanhando o jogo contra o Botafogo e por isso novo post no Blog só no inicio da semana que vem. Grande abraço em todos.

 

Chapecoense foi melhor que o Vitória, mas ficou apenas no empate.

***Não podemos considerar ruim o empate em 0×0 da Chapecoense contra o Vitória da Bahia ontem em Salvador até porque a Chapecoense somou um ponto fora de casa e impediu o adversário de somar outros dois dentro da sua casa.

***Porém, mais uma vez ficou a sensação de que a Chapecoense poderia até ter saído de lá com a vitória, pois foi o time que mais criou boas situações para marcar. Uma vez mais faltou eficiência na hora da conclusão e isso não serve apenas para o ataque uma vez que a melhor situação de gol foi nos pés do Dedé no primeiro tempo e ele perdeu um gol que não se pode perder.

***O goleiro Danilo pouco trabalho teve, quase não precisou trabalhar, diferente do goleiro Wilson que trabalhou bastante e praticou boas defesas prova de que a Chapecoense foi o time que de fato mais atacou durante o jogo.

***Mesmo sem vencer nas três últimas partidas a Chapecoense continua fora da zona de rebaixamento, está na 13ª colocação com 16 pontos, mas o adversários estão se aproximando perigosamente e é preciso retomar o caminho das vitórias quem sabe já na quarta feira em casa contra o Fluminense que ontem perdeu para o Botafogo por 2×0, porém, este também tem tudo para ser um jogo difícil e com certeza se quiser vencer a Chapecoense vai ter que caprichar bastante principalmente no setor ofensivo.

 

Chapecoense pronta para encarar o Vitória na Bahia.

***A Chapecoense encara o Vitória amanhã às 16 horas no Estádio Barradão em Salvador buscando recuperação na Série A do Campeonato Brasileiro.

***O time da Chapecoense está pronto para o jogo e vai ser aquele mesmo que realizou o coletivo na quinta-feira e finalizou a preparação na manhã de ontem, ou seja: Danilo, Fabiano, Jaílton, Enrique Meza e Ednei; Wanderson, Abuda, Dedé, Camilo e Zezinho; Bruno Rangel. Neném e Neuton lesionados e Rafael Lima suspenso pelo terceiro cartão amarelo não viajaram com a delegação.

***O Vitória está na 15ª colocação na tabela de classificação com 14 pontos, portanto, apenas um ponto atrás da Chapecoense que está com 15 pontos e por isso mesmo este jogo é mais um legitimo confronto direto entre dois clubes que não querem entrar na zona de rebaixamento.

***Por isso considero um empate amanhã lá em Salvador um bom resultado, pois a Chapecoense somaria mais um pontinho que pode ser importante fora de casa e impediria um adversário direto de somar outros dois pontos dentro de casa.

***Porém, podemos estar preparados para um jogo muito complicado para a Chapecoense uma vez que o Vitória está na pressão por uma vitória, pois não faz boa campanha, está atrás da Chapecoense e vem de derrota para o São Paulo por 3×1.

***O negócio é esperar que o time comandado pelo técnico Celso Rodrigues faça um bom jogo e conquiste um bom resultado. A semana foi de cobranças em virtude da derrota para o Figueirense e se não obter um resultado positivo contra o Vitória com certeza as cobranças se intensificarão ainda mais.

 

 

 

 

 

 

Chapecoense viaja hoje para Bahia com mudanças no time e no esquema de jogo.

***A delegação da Chapecoense parte hoje de tarde com destino a Salvador na Bahia onde no domingo às 16 horas joga contra o Vitória no Barradão tentando buscar recuperação na Série A depois da derrota em casa no último jogo para o Figueirense por 1×0.

***Ontem à tarde o técnico Celso Rodrigues comandou um treinamento coletivo na Arena Condá quando esboçou um provável time que começa o jogo contra o Vitória voltando ao esquema 4-5-1.

***O time que começou o treino e que é uma possibilidade de escalação para o jogo contra o Vitória teve Danilo, Fabiano, Jailton, Enrique Meza e Ednei; Wanderson, Abuda, Dedé, Camilo e Zezinho; Bruno Rangel.

***Foi com este esquema que a Chapecoense venceu o São Paulo no Morumbi apenas com alguns jogadores diferentes, mas com certeza a intenção do Celso Rodrigues é tentar montar o mesmo esquema daquele jogo para quem sabe conquistar mais um bom resultado fora de casa.

***Ontem o Celso Rodrigues parou várias vezes o treino para corrigir jogadas e posicionamento dos jogadores do time considerado titular, além disso, gritou alto e forte chamando a atenção de alguns jogadores. Gostei de ver. É isso mesmo que tem que fazer.

***Cada jogo é uma história diferente e não é porque perdeu em casa para o Figueirense que a Chapecoense já perdeu o próximo jogo para o Vitória fora de casa. Quem pensa assim pode se enganar.

***Naturalmente que todo mundo sabe que o jogo lá vai ser difícil até porque o Vitória joga em casa e precisa desesperadamente vencer, mas isso não quer dizer que a Chapecoense não possa ir lá e conquistar uma vitória muito embora com toda sinceridade até um empate já seria um bom resultado.

 

 

 

 

 

Chapecoense fora da Sul Americana. Melhor assim.

***Com alguns resultados inesperados que aconteceram ontem pela Copa do Brasil como derrotas do Inter, São Paulo e principalmente Fluminense a Chapecoense está fora da Copa Sul Americana deste ano.

***Claro que seria bom para o clube participar pela primeira vez de uma competição internacional muito embora no seu início os confrontos são entre clubes brasileiros, porém, acho que foi até melhor ficar de fora da Sul Americana.

***Acontece que a Chapecoense não tem no momento plantel para jogar duas competições difíceis simultaneamente, uma com certeza atrapalharia a outra.

***Se jogando apenas o Brasileiro e com jogos apenas aos finais de semana a todo momento temos jogadores lesionados imaginem ter que disputar duas competições simultaneamente? O desgaste seria maior ainda.

***O projeto de momento na Chapecoense deve ser se manter na Série A do Brasileiro e por isso mesmo penso que foi até bom não ter conquistado vaga para a Sul Americana.